Sobre Francisco Lima

BIOGRAFIA ACADÊMICA

É tradutor e intérprete (Escola Americana Instituto Mackenzie-SP, 1983); licenciado e bacharel com formação em Psicologia (UNESP-Assis/SP, 1995); mestre em Psicofísica Sensorial (USP-RP/SP, 1998); PhD em Psicofísica Sensorial (USP-RP/SP, 2001); detém o título de Pós-doutor pelo Departamento de Entomologia, do National Museum of Natural History Smithsoniam Institute (NMNH- 2018), em Washington-DC.

É certificado em Áudio-descrição, pelo Audio Description Institute, ADP/ACD (2010,2011, 2016, USA).

Atualmente, é professor adjunto no Curso de Pedagogia e Licenciaturas Diversas na Universidade Federal de Pernambuco (CE/UFPE); membro do Audio Description Advisory Committee, da Academy for Certification of Vision Rehabilitation and Education Profissionals (ACVREP), USA, 2019-2020; é coordenador do Laboratory of Artificial Intelligence and Machine Aid (Laima).

Dr. Francisco Lima tem orientado trabalhos na graduação e pós-graduação, bem como coordenado pesquisas, ministrado palestras e realizado consultorias nas áreas de inclusão social, laboral e educacional das pessoas com deficiência; tem sido incansável pesquisador nas áreas de acessibilidade e de barreiras atitudinais contra as pessoas com deficiência, principalmente nos ambientes físicos e sociais, no trabalho, na educação e no lazer. É pesquisador no campo das representações mentais de estímulos táteis (investiga a capacidade de as pessoas cegas ou com baixa visão fazerem uso, compreenderem, apreciarem e produzirem configurações bidimensionais hápticas e auditivas diversas).

O professor Francisco Lima também é formador de áudio-descritores, em curso de Tradução Visual com ênfase na áudio-descrição voltada ao teatro, ao cinema, à televisão, aos museus e às configurações bidimensionais estáticas (encontradas em livros, folders e outros), bem como destinada à mostra de artes, em geral, e aos eventos culturais e educacionais diversos (conferências, congressos e demais situações educacionais similares). Ao formar áudio-descritores, Dr. Francisco Lima destina parte do seu curso, intitulado “Imagens que Falam” ao ensino de técnicas de áudio-descrição voltadas à segurança (por exemplo, em situações de catástrofes naturais ou de acidentes graves), envolvendo pessoas com deficiência; também dedica parte do curso ao ensino das técnicas voltadas ao lazer (por exemplo, na áudio-descrição em áudio-games e videogames UAG).

Inventor, Prof. Lima desenvolveu uma caneta para desenho em relevo que permite às pessoas com deficiência visual produzirem sozinhas os seus próprios desenhos, sem terem de virar o papel para vê-los hapticamente. Desenvolveu os jogos de tabuleiro Laberinthus e Invasores.

É detentor dos prêmios: Prêmio Dra. Margaret Pfanstiehl Memorial em Áudio-descrição – Pesquisa e Desenvolvimento (julho de 2018); e Prêmio Barry Levine Memorial Award for Career Achievement in Audio Description (julho de 2016), conferidos pelo American Council of the Blind/Audio Description Project.
Foi membro internacional do Tactile Research Group (TRG-EUA), de 1998 a 2000; fundador do Centro de Estudos Inclusivos (CEI/UFPE).

Inclusivista, defensor do Desenho Universal, voltado à educação e a todas as demais situações físicas, ambientais e sociais. É pai de pessoa com deficiência e ativista pelo direito das pessoas com deficiência em ter acesso a todos os bens e serviços que estão disponíveis à sociedade em geral, com igualdade de oportunidade e condições, sem paternalismos nem condescendência para com a pessoa com deficiência.

FORMAÇÃO ACADÊMICA

2017 – 2018   Pós-doutorado
Título: Proposta para a Áudio-descrição Científica de artrópodes: um estudo no Instituto Smithsonian – Museu Nacional de História Natural (NMNH)
Departamento de Entomologia do Smithsonian Institution, SMITHSONIAN, Estados Unidos da América.
Supervisor: Seaun Brady.
Bolsista: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

1999 – 2001   Doutorado em Psicologia
Universidade de São Paulo.
Título da tese: “O efeito do treino com desenhos em relevo no reconhecimento háptico de figuras bidimensionais tangíveis”.
Orientador: José Aparecido da Silva.
Bolsista: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

1996 – 1998   Mestrado em Educação
Universidade de São Paulo.
Título da dissertação: “Representação Mental de Estímulos Táteis”. Ano de obtenção: 1998.
Orientador: José Aparecido da Silva.
Bolsista: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

1991 – 1995   Graduação: licenciado e bacharel em Psicologia
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.
1981 – 1983   Curso técnico/profissionalizante
Escola Americana, Instituto Mackenzie.

FORMAÇÃO ACADÊMICA

2017 – 2018   Pós-doutorado
Título: Proposta para a Áudio-descrição Científica de artrópodes: um estudo no Instituto Smithsonian – Museu Nacional de História Natural (NMNH)
Departamento de Entomologia do Smithsonian Institution, SMITHSONIAN, Estados Unidos da América.
Supervisor: Seaun Brady.
Bolsista: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.

1999 – 2001   Doutorado em Psicologia
Universidade de São Paulo.
Título da tese: “O efeito do treino com desenhos em relevo no reconhecimento háptico de figuras bidimensionais tangíveis”.
Orientador: José Aparecido da Silva.
Bolsista: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

1996 – 1998   Mestrado em Educação
Universidade de São Paulo.
Título da dissertação: “Representação Mental de Estímulos Táteis”. Ano de obtenção: 1998.
Orientador: José Aparecido da Silva.
Bolsista: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.

1991 – 1995   Graduação: licenciado e bacharel em Psicologia
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

1981 – 1983   Curso técnico/profissionalizante
Escola Americana, Instituto Mackenzie.

ÁREAS DE ATUAÇÃO

Grande área: Ciências Humanas
Área: Educação
Subárea: Ensino/Aprendizagem
Especialidade: Educação Inclusiva/Tecnologia Assistiva; Inteligência artificial; Machine Learning; Tecnologia Educacional; Deficiência Visual, Deficiência Intelectual

ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS

LIMA, Francisco José de; MENDONÇA, R,  GARBELOTTI, A.; PORDEUS, P.; GOMES, J.; LIMA, R. A. F. II Encontro Nacional de Áudio-descrição em Estudo (ENADES). 2016. (Congresso).

LIMA, Francisco José de; LIMA, R. A. F.; PORDEUS, P.; CARVALHO, M.; GOMES, J. I Encontro Nacional de Áudio-Descrição em Estudo. 2015. (Congresso).

LIMA, Francisco José de. I Mostra de Áudio-Descrição: Imagens que Falam. 2008.

LIMA, Francisco José de. Inauguração do Centro de Estudos Inclusivos. 2004.

PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS

Audio Description Project (ADP) Conference. 2018. Audio Description Around the World. 2018. (Congresso).

Audio Description Project (ADP) Conference. 2016. Audio Description Around the World. 2016. (Congresso).

VI CBEE – Congresso Brasileiro de Educação Inclusiva. A PESQUISA SOBRE AUDIODESCRIÇÃO PARA PESSOAS CEGAS NO BRASIL. 2014. (Congresso).

American Council of the Blind/Audio Description Project. 2010. (Congresso).

Seminário Nacional “AIDS E DEFICIÊNCIAS: APROFUNDANDO RELAÇÕES SOBRE OS PAIS E A PESSOA COM DEFICIÊNCIA”. 2009. (Seminário).

III Seminário Nacional sobre Educação e Inclusão de Pessoas com Necessidades Especiais. A EDUCAÇÃO INCLUSIVA SE FAZ, FAZENDO: DICAS PARA PROFESSORES. 2008. (Seminário).

I ENCONTRO BRASILEIRO DE AUDIOGAMES. SÃO PAULO, 2007 (Encontro)

X Encontro Nacional de Educadores Freinet. EDUCAÇÃO INCLUSIVA: DESAFIOS E PERSPECTIVAS. 2007. (Encontro).

3º Agosto pela Geografia. ACESSIBILIDADE E INCLUSÃO SOCIAL. 2006. (Encontro).

3º Fórum Internacional de Educação da Faculdade São Luiz de França. INCLUSÃO COMO FORMA DE EDUCAÇÃO. 2006. (Outra).

Seminário sobre a Pessoa com Deficiência. ACESSIBILIDADE COMO FATOR DE INCLUSÃO SOCIAL. 2006. (Seminário).

II Semana Nacional de Ciência e Tecnologia e I Semana de Arte, Cultura, Ciência e Tecnologia do CEFET PE. EDUCAÇÃO INCLUSIVA. 2005. (Seminário).

SAPIENS. O MITO E O PRECONCEITO EM TORNO DO ALUNO DEFICIENTE NA ESCOLA REGULAR E NA ESCOLA ESPECIAL. 2005. (Congresso).

I Encontro Nacional de Profissionais de TI com Deficiência Visual. Palestra. 2004. (Encontro).

III Seminário sobre a Universidade e a Pessoa com Deficiência. Barreira na Cidade, no Transporte e na Comunicação. 2004. (Seminário).

I Seminário Nacional sobre a Educação e a Inclusão Social de Pessoas com Necessidades Especiais. A INACESSIBILIDADE NO AMBIENTE UNIVERSITARIO: CENTRO DE EDUCAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO EM FOCO. 2004. (Seminário).

I Seminário Nacional sobre a Educação e a Inclusão Social de Pessoas com Necessidades Especiais. ENSINANDO A RECONHECER DESENHOS PELO TATO: O EFEITO DO TREINO NO DESEMPENHO DE PESSOAS CEGAS NA NOMEAÇÃO DE FIGURAS EXAMINADAS ENSINANDO HAPTICAMENTE. 2004. (Seminário).

IV EDUCERE – PUCPR – II Congresso Nacional da Área de Educação. ENSINANDO RECONHECER DESENHOS PELO TATO: O EFEITO DO TREINO NO DESEMPENHO DE PESSOAS CEGAS NA NOMEAÇÃO DE FIGURAS EXAMINADAS HAPTICAMENTE. 2004. (Congresso).

IV EDUCERE – PUCPR – II Congresso Nacional da Área de Educação. A PRODUÇÃO DO DESENHO EM RELEVO: A CANETA M/H 1.0 COMO ALTERNATIVA TECNOLÓGICA DE ACESSO À EDUCAÇÃO, POR MEIO DA ARTE. 2004. (Congresso).

LIMA, Francisco José de. Seminário de Formação Doutoral I. 2004. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.(Seminário)

Exercendo a Cidadania. A Educação da Pessoa com Deficiência. 2002. (Seminário).

PARTICIPAÇÃO EM BANCAS

Aluno: Bruno Hipólito da Silva

BRAGA, T. D. A.; BEZERRA, P. G. M.; LIMA, Francisco José de. Desenvolvimento de Webquest como estratégia de aprendizagem no laboratório de imagem, em curso de Medicina do Recife. 2015. Dissertação (Mestrado profissional em Educação na Área da Saúde) – Faculdade Pernambucana de Saúde.

Aluna: Fernanda Cristina Feitosa Loiola

LIMA, Francisco José de; RODRIGUES, S. R. C. R.; FRANCA, T. L. Subsídios para a educação hospitalar na perspectiva da educação inclusiva. 2013. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluno: Marcelo Márcio Soares

LIMA, Francisco José de. Avaliação ergonômica de websites para uso por pessoas com deficiência visual através da interface humana – computador. 2010. Dissertação (Mestrado em Design) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluno: Rubem Varela de Oliveira

LIMA, Francisco José de; ALVES, Fernandes Jefferson; SILVA, L. G. S.; MELO, Francisco Ricardo Lins Vieira de. Em busca da imagem adaptada e a descoberta do itinerário educacional de uma aluna cega. 2008. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Aluna: Francileide Batista de Almeida Vieira

LIMA, Francisco José de. O aluno surdo em classe regular: concepções e práticas dos professores. 2008. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Aluna: Lívia Couto Guedes

LIMA, Francisco José de; ARAÚJO, Clarissa Martins; GUEDES, L. C. A barreira atitudinal e a empregabilidade da pessoa com deficiência: questão de educação. 2007. Dissertação (Mestrado em programa de pós-graduação em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Neulia do Carmo Pereira da Silva Cavalcanti

LIMA, Francisco José de; LIMA, Rosângela Aparecida Ferreira; ARAÚJO, Clarissa Martins. O papel do professor itinerante face à inserção da pessoa com deficiência na sala de aula do ensino regular: significando ressignificando a itinerância. 2006. Dissertação (Mestrado em programa de pós-graduação em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Ana Flávia Teodoro de Mendonça Oliveira

ARAÚJO, Clarissa Martins; PIRES, José; MELO, Marcia Maria de Oliveira; LIMA, Francisco José de. A construção de uma identidade docente inclusiva e os desafios ao professor-formador. 2006. Dissertação (Mestrado em programa de pós-graduação em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Dulciana de Carvalho Lopes Dantas

CAMPELO, M. E. C. H.; LIMA, Francisco José de; MARTINS, Lúcia. Jovens e adultos com deficiência mental: entre o limite e as possibilidades de permanência na escola, em tempos de inclusão. 2006. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Aluna: Maria Zélia de Santana

ARAÚJO, Clarissa Martins; LIMA, Francisco José de; MARTINS, Lúcia de Araújo Ramos. Experiências didático metodológicas de professores do ensino comum/regular com alunos surdos. 2006. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Luciana de Carvalho Lopes Dantas

LIMA, Francisco José de. Jovens e adultos com deficiência mental: entre o limite e as possibilidades de permanência na escola regular em tempos de inclusão. 2006. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Aluna: Fernanda Maria Araújo Sant’Ana

LIMA, Francisco José de; ARAÚJO, Clarissa Martins de; MELLO, Márcia; MARTINS, Lúcia. Desvelando o lugar da educação especial nas matrizes curriculares dos cursos de Pedagogia à luz da teoria da inclusão. 2004. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Sandra Alves da Silva Santiago

LIMA, Francisco José de. Educação para todos: um estudo sobre a política de inclusão dos portadores de necessidades especiais no Brasil. 2003. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Ediana Rodrigues de Souza Almeida

LIMA, Francisco José de. A formação dos professores das classes especiais para uso do computador na sala de aula. 2002. Dissertação (Mestrado em programa de pós-graduação em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Núbia Bernardi

LIMA, Francisco José de; KOWALTOWSKI, Doris C. C. K.; DUARTE, C. R. S.; GASPARETTO, M. E. R. F.; PINA, S. A. M. G. A aplicação do conceito de desenho universal no ensino de arquitetura: o uso do mapa tátil como leitura de projeto. 2007. Tese (Doutorado em Engenharia Civil) – Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Francisco Ricardo Lins Vieira de Melo

LIMA, Francisco José de; PEREIRA, F. A.; MANZINI, E. J.; LUCENA, N. M. G; MARTINS, Lúcia. Do olhar inquieto ao olhar comprometido: uma experiência de intervenção voltada para atuação com alunos que apresentam paralisia cerebral. 2006. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Aluna: Luzia Guacira dos Santos Silva

LIMA, Francisco José de. Inclusão: uma questão também de visão – estratégias de ensino utilizadas com uma criança cega. 2004. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Aluna: Mari Inês Piekas

Duarte, M. L. B.; LIMA, Francisco José de; Oliveira, J. L.; SCHMIDLIN, E. Elementos da linguagem visual aplicados à percepção e cognição tátil. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Artes Visuais) – Universidade do Estado de Santa Catarina.

Aluna: Joana Célia do Socorro Gomes de Andrade

FARES, J. A.; RODRIGUES, D. S.; LIMA, Francisco José de. Lamparina para cegos: imagens e saberes revelados a partir da escuta da obra de Daniel da Rocha Leite. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em programa de pós-graduação em Educação) – Universidade do Estado do Pará.

Aluna: Ana Fátima Berquó Carneiro Ferreira

LIMA, Francisco José de. Áudio-descrição no museu de arte: a ponte entre o cego e a imagem. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em programa de pós-graduação em Museologia e Patrimônio) – Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Aluna: Taísa Caldas Dantas

MELO, A. D. B.; BORGES, M. C. A.; CARVALHO, M. E. P.; LIMA, Francisco José de; CAIADO, K. R. M. As pessoas com deficiência e o exercício da autoadvocacia e do empoderamento: um estudo comparativo Brasil e Canadá. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Educação) – Universidade Federal da Paraíba.

Aluna: Zélia Maria Luna Freire da Fonte

LIMA, Francisco José de. A educação de surdos e a prática pedagógica: análise a partir da alteridade surda. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Núbia Bernardi

BERNARDI, Nubia; KOWALTOWSKI, Doris C. C. K.; DUARTE, Cristiane Rose da Siqueira; PINA, S. A. M. G.; LIMA, Francisco José de. O impacto do desenho universal no processo e no ensino do projeto arquitetônico: o caso de indivíduos com visão subnormal. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia Civil) – Universidade Estadual de Campinas.

Aluno: Erick Vasconcelos Araújo

MARTINS, Laura Bezerra; WAECHTER, H. N.; LIMA, Francisco José de. Engenharia de papéis e acessibilidade: contribuição para o desenvolvimento de livros infantis para crianças cegas. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Design) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Marcilene Magalhães da Silva

LIMA, Francisco José de. Processos de inclusão/exclusão no ensino superior: o caso de alunos com deficiência na UFOP. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Educação) – Universidade Federal de Ouro Preto.

Aluna: Priscila da Costa Xavier

LIMA, Francisco José de. Acessibilidade na comunicação: o uso da áudio-descrição como ferramenta de empoderamento e inclusão social a partir das produções audiovisuais. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação Social: rádio, TV e internet) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Luciana Santos da Silva/ Márcia Marques Bacalhau

LIMA, Francisco José de; GUEDES, L. C.; Freitas. Formação do professor: a base do processo de inclusão. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) – Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Janaína Vieira Gomes da Silva

LIMA, Francisco José de; CORREIA, K. V. Práticas de botânica para a educação inclusiva: deficiência visual. 2003. Universidade Federal de Pernambuco.

Aluna: Zélia Maria Luna Freire da Fonte

COMISSÃO JULGADORA

LIMA, Francisco José de; ARAÚJO, Clarissa Martins; MARTINS, Lúcia. Banca de Concurso para Professor Adjunto. 2006. Universidade Federal de Pernambuco.

LIMA, Francisco José de. BANCA EXAMINADORA PARA SELEÇÃO DE PROFESSOR SUBSTITUTO DO COLEGIO DE APLICAÇÃO DA UFPE. 2005. Universidade Federal de Pernambuco.

LIMA, Francisco José de. Banca Examinadora do Processo de Seleção para professor substituto de orientação Educacional. 2003. Universidade Federal de Pernambuco.

ORIENTAÇÕES

Paulo Vieira
Áudio-descrição nos livros didáticos. Início: 2009. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco, Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco. (Orientador).

Ernani Nunes Ribeiro
Estudo da comunicabilidade das imagens: contribuições para o processo de ensino-aprendizagem para alunos surdos. Início: 2009. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco, Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco. (Orientador).

Fernanda Cristina Feitosa Loiola
Subsídios para a educação hospitalar na perspectiva da educação inclusiva. 2013. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco. Orientador: Francisco José de Lima.

Maria de Fátima Xavier do Monte
Auxílio a navegação de pedestres cegos: requisitos informacionais e implicações para o design. 2009. Dissertação (Mestrado em Design) – Universidade Federal de Pernambuco. Coorientador: Francisco José de Lima.

Neulia do Carmo Pereira da Silva Cavalcanti
O papel do professor itinerante face à inserção da pessoa com deficiência no ensino regular: significando e ressignificando a itinerância. 2007. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco. Orientador: Francisco José de Lima.

Lívia Couto Guedes
Barreiras atitudinais nas instituições de ensino superior: questão de educação e empregabilidade. 2007. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco. Orientador: Francisco José de Lima.

Maria Zélia Santana
Estratégias utilizadas pelo professor de escola regular em cuja sala há aluno com deficiência auditiva. 2006. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco. Orientador: Francisco José de Lima.

Fernanda Maria de Araújo Sant’Ana
Desvelando o lugar da educação especial nas matrizes curriculares dos cursos de Pedagogia e do normal superior à luz da teoria da inclusão. 2005. Dissertação (Mestrado em programa de pós-graduação em Educação) – Universidade Federal de Pernambuco. Orientador: Francisco José de Lima.

Lívia Couto Guedes
Prevendo barreiras, antecipando soluções, evitando acidentes. 2004. (Iniciação científica) – Universidade Federal de Pernambuco, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Francisco José de Lima.

PRODUÇÕES BIBLIOGRÁFICAS

LIMA, Francisco José de; LIMA, R. A. F.; GUEDES, L. C.; ARAÚJO, Clarissa Martins de. Orientações para um ambiente de trabalho inclusivo. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 17, p. 5-10, 2014.

LIMA, R. A. F.; LIMA, Francisco José de. Áudio-descrição da capa: a efetividade da convenção sobre os direitos da pessoa com deficiência. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 17, p. 15-17, 2014.

LIMA, Francisco José de; LIMA, Rosângela Aparecida Ferreira. Lições basilares para a formação do áudio-descritor empoderativo. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 11, p. 1, 2011.

LIMA, Francisco José de. Introdução aos estudos do roteiro para áudio-descrição: sugestões para a construção de um script anotado. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 11, p. 1, 2011.

LIMA, Francisco José de; SILVA, F. T. S. Subsídios para a construção de um código de conduta profissional do áudio-descritor. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 05, p. seção principal, 2010.

XAVIER, Ana Carolina Grijp; LIMA, Francisco José de; GUEDES, L. C.; OLIVEIRA, Leny Ferreira. A produção de desenho em relevo: da imagem visual para a representação tátil. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 4, p. seção principal, 2010.

RIBEIRO, Ernani Nunes; LIMA, Francisco José de. Estudo da comunicabilidade das imagens: contribuições para o processo de ensino aprendizagem na escola inclusiva. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 3, p. seção principal, 2010.

VIEIRA, P. A. M.; LIMA, Francisco José de. A teoria na prática: áudio-descrição, uma inovação no material didático. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 2, p. seção principal, 2010.

LIMA, Francisco José de; GUEDES, L. C.; GUEDES, M. C. Áudio-descrição: orientações para uma prática sem barreiras atitudinais. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 2, p. seção principal, 2010.

LIMA, Francisco José de; VIEIRA, P. A. M.; RODRIGUES, E. R.; PASSOS, S. S. M. Arte, educação e inclusão: orientações para áudio-descrição em museus. Diálogos entre Arte e Público, v. 3, p. 1, 2010.

LIMA, Francisco José de; LIMA, R. A. F. O direito das crianças com deficiência visual à áudio-descrição. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 3, p. seção principal, 2010.

LIMA, Francisco José de; LIMA, R. A. F.; GUEDES, L. C. Em defesa da áudio-descrição: contribuições da convenção sobre os direitos da pessoa com deficiência. Revista Brasileira de Tradução Visual – RBTV, v. 1, p. 1, 2009.

LIMA, Francisco José de. Questão de postura ou de taxonomia? Coleção Pedagógica. Natal, RN, v. 1, n. 5, p. 61-70, 2003.

LIMA, Francisco José de; LIMA, R. A. F.; SILVA, J. A. A preeminência da visão: crença, filosofia, ciência e o cego. Arquivos Brasileiros de Psicologia, Rio de janeiro, v. 52, n. 10, p. 51-61, 2000.

LIMA, Francisco José de; CALCATERRA, J.; GREEN, S. The effect of orientation on Braille recognition in persons who are sighted and blind. Jvib Journal of Visual Impairment and Blindness, v. 93, p. 416-419, 1999.

LIMA, Francisco José de. Haptic identification of twenty-two common objects: the influence of distractors. Psychonomic Society, 1998.

LIMA, Francisco José de; HELLER, M. A.; SILVA, J. A. Recodificação da captura háptica de objetos tangíveis para uma transcrição pictórica. Arquivos Brasileiros de Psicologia, Rio de Janeiro, v. 50, n. 12, p. 124-150, 1998.

LIMA, Francisco José de; SILVA, J. A. O desenho em relevo: uma caneta que faz pontos. Arquivos Brasileiros de Psicologia, Rio de Janeiro, v. 50, n. 12, p. 144-151, 1998.

LIMA, Francisco José de; MENDONCA, R. (Org.). A efetividade da convenção sobre os direitos das pessoas com deficiência. 1. ed. Recife: editora da UFPE, 2013. v. 1, p. 310.

LIMA, Francisco José de; LIMA, Rosângela Aparecida Ferreira; ARAÚJO, Clarissa Martins; GUEDES, L. C.; AZEVEDO, G. M. E. Orientações para um ambiente de trabalho inclusivo. In: FRANCISCO JOSÉ DE LIMA e RITA MENDONÇA. (Org.). A efetividade da convenção sobre os direitos das pessoas com deficiência. 1 ed. Recife: editora da UFPE, 2013, v. 1, p. 251-282.

MARTINS, Laura Bezerra; LIMA, Francisco José de; ALMEIDA, Maria de Fátima Xavier do Monte. The decision-making process for wayfinding in public closed environment by blind people. In: KABER, David B.; BOY, Guy. (Org.). Advances in cognitive ergonomics. Boca Raton, Florida: CRC Press Taylor & Francis Group, 2010, v. 1, p. 317-626.

LIMA, Francisco José de; LIMA, R. A. F. Educação inclusiva se faz fazendo: dicas para professores. In: Lúcia de Araújo Ramos Martins; Luiza Guacira dos Santos Silva. (Org.). Múltiplos Olhares sobre Inclusão. 1 ed. João Pessoa: Editora Universitária da UFPB, 2009, v. 1, p. 105-117.

LIMA, Francisco José de. Família e escola: vivência colaborativa. Práticas inclusivas no sistema de ensino e em outros contextos. NATAL: EDUFRN, 2009, p. 195-221.

LIMA, Francisco José de; SILVA, J. A. O tato e as suas implicações no ensino de desenhos a crianças cegas. In: OLGA SOLANGE HERVAL SOUZA. (Org.). Itinerários da inclusão escolar. Porto Alegre: ULBRA, 2008, p. 112-125.

LIMA, Francisco José de. Barreiras atitudinais: obstáculos às pessoas com deficiência na escola. In: OLGA SOLANGE HERVAL SOUZA. (Org.). Itinerários da inclusão escolar – múltiplos olhares, saberes e práticas. CANOAS: ULBRA, 2008, p. 23-32.

LIMA, Francisco José de; MARTINS, Lúcia de Araújo Ramos; PIRES, José. Verificador multimodal de acessibilidade/VMA. Educação e inclusão social de pessoas com necessidades educacionais: desafios e perspectivas. João Pessoa: Editora Universitária, 2007, v. 1, p. 363-368.

LIMA, Francisco José de. Ética e inclusão: o status da diferença. In: Lúcia de Araújo Ramos; José Pires; Cláucia Nascimento da Luz Pires; Francisco Ricardo Vieira de Melo. (Org.). Inclusão compartilhando saberes. Petrópolis: VOZES, 2006, p. 54-66.

LIMA, Francisco José de. Ensinando a reconhecer desenhos pelo tato: o efeito do treino no desempenho de pessoas cegas na nomeação de figuras examinadas hapticamente. Inclusão compartilhando saberes. Petrópolis: VOZES, 2006, p. 171-188.

LIMA, Francisco José de; LIMA, R. A. F. O dito na fala de quem não o diz: uma questão de inclusão. Práticas pedagógicas e práticas de linguagem. 128 ed. Brasília: Revista de Educação AEC, 2003, p. 81-90.

LIMA, Francisco José de. Recodificação da captura háptica de objetos tangíveis para uma transcrição pictórica. Arquivos Brasileiros de Psicologia. Rio de Janeiro: IMAGO, 1998, v. 50, p. 124-151.

LIMA, Francisco José de; SILVA, J. A. Algumas considerações a respeito da necessidade de se pesquisar o sistema tátil e de se ensinar desenhos e mapas táteis às crianças cegas ou com limitação parcial da visão. Revista do Instituto Benjamim Constant, Rio de Janeiro, 17 dez. 2000.

LIMA, Francisco José de. Questão de postura ou de taxonomia: uma proposta. Revista do Instituto Benjamim Constant, Rio de Janeiro, p. 3 – 7, 15 abr. 2000.

LIMA, Francisco José de. The effect of orientation on Braille recognition in persons who are sighted and blind. Journal of Visual Impairment & Blindness, Philadelphia, Pennsylvania, p. 416 – 419, 07 jul. 1999.

LIMA, Francisco José de. Haptic identification of twenty-two common objects: the influence of distractors. A Psychonomic Society Publication, Philadelphia, Pennsylvania, p. 21 – 21.

LIMA, Francisco José de. Drawings by the blind. Conference on: representation and blindness, Repubblica di San Marino.

LIMA, Francisco José de. Reconhecimento háptico de objetos tridimensionais: um estudo da influência de distratores. Resumos e comunicações científicas? Sociedade Brasileira de Psicologia, Ribeirão Preto, p. 153 – 153.

LIMA, Francisco José de. Representação de estímulos táteis. Livro de resumos – I SEMINÁRIO DE PESQUISA, Ribeirão Preto, p. 54 – 54.

LIMA, Francisco José de; SILVA, J. A. Recodificação da captura háptica de objetos tangíveis para uma transcrição pictórica. Arquivos Brasileiros de Psicologia, Ribeirão Preto, p. 124 – 143.

LIMA, Francisco José de; SILVA, J. A. Desenho em relevo: uma caneta que faz pontos. Arquivos Brasileiros de Psicologia, Ribeirão Preto, p. 144 – 151.

LIMA, Francisco José de. O efeito do treino com desenhos em relevo no reconhecimento háptico de figuras bidimensionais tangíveis. Livro de Resumos – III SEMINÁRIO DE PESQUISA, Ribeirão Preto, p. 57 – 57.

LIMA, Francisco José de. Recognizing pictures by touch is visual experience necessary? Anais do ISAC’00 – INTERNATIONAL SENSORY AIDS CONFERENCE, Exeter, p. 81 – 86.

LIMA, Francisco José de; SILVA, J. A. Evaluating performance after training: the recognition of pictures by touch. Fechner Day 2001, Leipzig, p. 499 – 504.

ALMEIDA, Maria de Fátima Xavier do Monte; MARTINS, Laura Bezerra; LIMA, Francisco José de. The decision-making process for wayfinding in public closed environment by blind people. In: 3rd INTERNATIONAL CONFERENCE ON APPLIED HUMAN FACTORS AND ERGONOMICS (AHFE), 2010, Miami, USA. 2010 AHFE INTERNATIONAL CONFERENCE. MIAMI: USA Publishing, 2010. v. 1. p. 1-10.

LIMA, Francisco José de; GUEDES, L. C. A produção do desenho em relevo: a caneta M/H 1.0 como alternativa tecnológica de acesso à educação, por meio da arte. In: IV EDUCERE – PUCPR – II CONGRESSO NACIONAL DA ÁREA DE EDUCAÇÃO, 2004, Curitiba. Anais, 2004.

XAVIER, Ana Carolina Grijp; LIMA, Francisco José de; GUEDES, L. C.; OLIVEIRA, Leny Ferreira. A produção de desenho em relevo: da imagem visual para a representação tátil. In: IV EDUCERE – PUCPR – II Congresso Nacional da Área de Educação, 2004, Curitiba. Anais, 2004.

LIMA, Francisco José de. Ensinando reconhecer desenhos pelo tato: o efeito do treino no desempenho de pessoas cegas na nomeação de figuras examinadas hapticamente. In: IV EDUCERE – PUCPR – II Congresso Nacional da Área de Educação, 2004, Curitiba. Anais, 2004.

LIMA, Francisco José de. Haptic identification of twenty-two common objects: the influence of distractors. In: 38th Annual Meeting of The Psychonomic Society, 1997, Filadélfia, 1997.

LIMA, Francisco José de; ALMEIDA, Maria de Fátima Xavier do Monte; MARTINS, Laura Bezerra. Mapa tátil: um enfoque ergonômico. In: Humanizando Ambientes, 2007, Recife. I ENCONTRO NACIONAL DE ERGONOMIA DO AMBIENTE CONSTRUIDO II SEMINÁRIO BRASILEIRO DE ACESSIBILIDADE INTEGRAL, 2007.

ALMEIDA, Maria de Fátima Xavier do Monte; MARTINS, Laura Bezerra; LIMA, Francisco José de. Requisitos informacionais percebidos por pessoas cegas durante uma navegação: como identificar? (information requirements for blind people navigation: how do identify?). In: 7 CONGRESSO INTERNACIONAL DE ERGONOMIA E USABILIDADE DE INTERFACES HUMANO-TECNOLOGIA: PRODUTOS, INFORMAÇÃO, AMBIENTE CONSTRUÍDO E TRANSPORTE, 2007, ITAJAÍ. 7 ERGODESIGN, 2007.

LIMA, Francisco José de; RIBEIRO, Ernani Nunes. Estudo da comunicabilidade das imagens: contribuições para o processo de ensino-aprendizagem na escola inclusiva. In: RAM, 2009, Buenos Aires. VIII REUNIÓN DE ANTROPOLOGÍA DEL MERCOSUR (RAM). Diversidad y poder en América Latina. Buenos Aires, Argentina. 29 de septiembre al 2 de octubre de 2009, 2009.

XAVIER, Ana Carolina Grijp; GUEDES, L. C.; LIMA, Francisco José de; OLIVEIRA, Leny Ferreira. A produção de desenho em relevo: da imagem visual para a representação tátil. In: ANAIS DO IV EDUCERE, 2004, CURITIBA. II CONGRESSO NACIONAL DA ÁREA DE EDUCAÇÃO, da PUCPR, 2004.

LIMA, Francisco José de. A educação inclusiva se faz, fazendo: dicas para professores. 2008. (Apresentação de trabalho/seminário).

LIMA, Francisco José de. Acessibilidade como fator de inclusão social. 2006. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. Justiça e inclusão da pessoa com deficiência. 2006. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. Inclusão como forma de educação. 2006. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. Acessibilidade e inclusão social. 2006. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de; GUEDES, L. C.; OLIVEIRA, Leny Ferreira; XAVIER, Ana Carolina Grijp. A produção de desenho em relevo: da imagem visual para a representação tátil. 2005. (Apresentação de trabalho/comunicação).

LIMA, Francisco José de. Educação inclusiva. 2005. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. Inclusão escolar. 2004. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. Heterogeneidade e homogeneidade na escola. 2004. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. A inclusão do portador de deficiência. 2003. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. Educação inclusiva. 2003. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. Aspectos gráficos da escrita Braille: inclusão através da produção textual. 2003. (Apresentação de trabalho/comunicação).

LIMA, Francisco José de. Recomendações fundamentais para o tratamento a ser dispensado às pessoas portadoras de deficiência em concursos vestibulares, de colocação profissional ou similares. 2003. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. O estatuto da pessoa com deficiência: conquistas e desafios para a consolidação de uma sociedade inclusiva. 2003. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

LIMA, Francisco José de. Educação inclusiva. 2003. (Apresentação de trabalho/conferência ou palestra).

PROJETOS DE PESQUISA

2003 – 2004
A empregabilidade da pessoa com deficiência e a CELPE: um estudo da potencialidade empregadora de uma empresa concessionária de energia elétrica para a promoção da cidadania da pessoa portadora de deficiência permanente ou temporária. 2003. Descrição: de acordo com o censo IBGE 2000, existem no Brasil 2.848.684 pessoas com deficiência mental permanente, 1.422.224 com deficiência física, 955.287 com tetraplegia, paraplegia ou hemiplegia permanente, 466.936 com falta de membro ou de parte dele; 16.573.937 pessoas com deficiência visual, 159.824 “incapazes de enxergar”, 2.398.472 com grande dificuldade permanente de enxergar, 14.015.641 com alguma dificuldade permanente de enxergar; 5.750.809 pessoas com deficiência auditiva, 176.067 “incapazes de ouvir”, 860.889 com grande dificuldade permanente de ouvir, 4.713.854 com alguma dificuldade permanente de ouvir; 7.879.601 pessoas com deficiência motora, 588.201 “incapazes de caminhar ou subir escada”, 1.799.917 com grande dificuldade permanente de caminhar ou subir escada, 5.491.482 com alguma dificuldade permanente de caminhar ou subir escada. Como se pode depreender com clareza solar dos números supracitados é imprescindível, e de fato urgente, que se promovam estudos visando a acessibilidade dessas pessoas em todos os espaços sociais, inclusive e não menos importante, a acessibilidade ao trabalho. Com efeito, a Constituição Federal de 1988, hora vigente, dispensou proteção especial ao acesso das pessoas portadoras de deficiência ao mercado de trabalho, tanto em âmbito público como na iniciativa privada. Diante do reconhecimento da CELPE de sua responsabilidade social e de sua necessidade em adaptar-se às exigências legais de empregabilidade, reabilitação e adaptação de seus empregados com deficiências (permanentes ou temporárias), a presente pesquisa tem por objetivo: 1- pesquisar a potencialidade da CELPE, enquanto sua capacidade empregadora, visando torná-la uma empresa inclusiva; 2- verificar de que maneira uma empresa concessionária de energia elétrica pode adequar-se para responder às normas jurídicas de reserva de vagas, não só por conta de uma imposição legal, mas também, e principalmente, por uma questão moral e de responsabilidade. Situação: concluído. Natureza: pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação (3). Integrantes: Francisco José de Lima – Coordenador; Clarissa Martins de Araújo – Integrante; Gustavo Maurício Estevão de Azevedo – Integrante; Domingos Mendes Gama Filho – Integrante. Financiador(es): Companhia Energética de Pernambuco – Grupo Iberdrola – auxílio financeiro.

2003 – 2004
ACESSIBILIDADE À COMUNICAÇÃO: promovendo a cidadania da pessoa portadora de deficiência. Descrição: nas últimas décadas, a sociedade tem visto um movimento firme, crescente e irreversível chamado “Inclusão social”. Entendida como a capacidade de a sociedade adaptar-se para reconhecer, respeitar e atender às necessidades e à diversidade de seus membros, a inclusão vem como uma resposta às exigências sociais das “muitas minorias” que se organizaram para mostrar que as suas reivindicações, além de justas, alavancam vantagens positivas para todos, inclusive para os portadores de deficiência. Com efeito, uma sociedade para todos, mais inclusiva e menos excludente, dignifica a pessoa humana, promove-lhe a cidadania e se beneficia do êxito de cada um de seus membros. Logo, um portador de deficiência visual, por exemplo, se sentirá e será, de fato, uma pessoa mais digna e cidadã, à medida que a sua limitação sensória seja respeitada e a sociedade se modifique para atender às suas necessidades específicas, dentre as quais (e uma das mais importantes) a de receber as informações, no formato que lhe propicie autonomia, independência e privacidade. Reconhecendo a necessidade de se fornecer informações a todos, isto é, reconhecendo que é mister comunicar a todos os benefícios de bens e serviços, bem como reconhecendo que as pessoas portadoras de deficiência visual constituem importante segmento consumidor, empresas diversas têm oferecido os seus produtos grafados em Braille (Laboratório Aché, Sadia, McDonalds, entre outras). Assim, oferecer, por exemplo, as contas de energia elétrica em Braille (para os cegos e portadores de muito baixa visão, legalmente cegos) e com tipos ampliados (para os portadores de baixa visão, amblíopes), não só implicará em reconhecer a diversidade humana e as suas necessidades específicas. Com vistas nisso, justificamos a proposta do presente projeto: promover a acessibilidade de deficientes visuais à conta de energia elétrica da CELPE (Companhia Energética de Pernambuco). Situação: concluído. Natureza: pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (3). Integrantes: Francisco José de Lima – Coordenador; Rosângela Aparecida Ferreira Lima – Integrante. Financiador(es): Companhia Energética de Pernambuco – Grupo Iberdrola – auxílio financeiro.

2002 – 2004
Prevendo Barreiras, antecipando soluções, evitando acidentes. Descrição: conhecidamente, o homem busca na natureza o seu sustento, a sua segurança, o seu lazer, enfim, tudo que é de seu gosto e necessidade. A natureza é mãe provedora de um filho feliz em poder exercer a sua liberdade de ir e vir. Como o homem havia aprendido com a mãe natureza que são necessários marcos mais ou menos fixos e bem visíveis para a sua orientação, o homem criou convenções, marcos de orientação artificiais nos centros urbanos e rurais por ele transformados. Entretanto, esses marcos para orientação nem sempre são acessíveis a todos, seja por suas peculiaridades, seja porque existem pessoas muito diferentes umas das outras, as quais não podem valer-se das convenções criadas pelo homem (para a orientação de certa maioria), nesses espaços. Fazem parte desse grupo heterogêneo as pessoas com limitação sensória, física etc. Ao não poderem fazer uso das informações para orientação, essas pessoas ficam limitadas a certos espaços físicos, vendo restringirem-se o seu direito à liberdade de ir e vir, a sua capacidade de busca de seu sustento, de sua segurança e de seu lazer. Enfim, do que lhes é de seu gosto ou necessidade. Pensando nesse grupo de pessoas, o presente trabalho tem como objetivo geral investigar de que maneira diagramas e mapas táteis podem auxiliar na locomoção de pessoas cegas e com baixa visão. Mais especificamente, examinar-se-á a capacidade de transmissão de informação de orientação espacial por meio de diagramas e mapas táteis produzidos por software TGD. Nossa hipótese é de que, uma vez que o diagrama ou mapa tangível corresponda adequadamente a uma transcrição háptica do ambiente, isto é, que traga as informações específicas (por exemplo, informação proprioceptiva capturada do caminho), necessárias a uma compreensão sobre o percurso, os sujeitos poderão melhor locomover-se por esses caminhos, beneficiados pelo uso de representações bidimensionais tangíveis. Os sujeitos da pesquisa serão pessoas com limitação total ou parcial da visão. Situação: concluído. Natureza: pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1). Integrantes: Francisco José de Lima – Coordenador; Lívia Couto Guedes – Integrante. Financiador(es): Universidade Federal de Pernambuco – Bolsa. Número de orientações: 1.

PRÊMIOS

2018
Dr. Margaret Pfanstiehl Achievement Award in Research & Development, American Council of the Blind – Audio Description Project (ACB/ADP).

2016
International and Career Achievement Awards do American Council of the Blind-Audio Description Project, American Council of the Blind.

HISTÓRICO PROFISSIONAL

 ENDEREÇO PROFISSIONAL

Universidade Federal de Pernambuco, Centro de Educação, Departamento de Psicologia e Orientação Educacional. Avenida Acadêmico Hélio Ramos s/n, Cidade Universitária, 50670901 – Recife, PE – Brasil, Telefone: +81 3459-2794, Fax: +81 3453-5066.

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

2002 – Atual

Universidade Federal de Pernambuco

Vínculo: Servidor público. Enquadramento funcional: Professor Adjunto. Carga horária: 40h.

Atividades: Ensino e pedagogia. Nível: Graduação. Disciplinas ministradas: Educação Especial, Pesquisa e Prática Pedagógica, Fundamentos Psicológicos da Educação.